ANVISA quer proibir remédios que Aumentam a Inteligência - Você Concorda?

Após polêmica sobre a existência de suplementos para inteligência, órgão que regulamenta os medicamentos no Brasil, a ANVISA estuda proibir a comercialização destes produtos no país. Estudantes, concurseiros, celebridades e até muitos empresários de sucesso que já alegaram terem obtido resultados com os tais medicamentos contestam. - Confira na matéria:

 
Depois de muitos processos judiciais e confusões envolvendo concursos, universidades e escolas e o uso destes suplementos por parte de alguns candidatos e alunos, ANVISA estuda proibir a comercialização das Pílulas da Inteligência para erradicar estes escândalos motivados por supostos casos de "dopping" .

Uma história que tem causado muita polêmica entre as pessoas e que até já tomou espaço da mídia nacional, como mostrado no Fantástico, agora o assunto chega ao órgão máximo de controle de medicamentos no Brasil, a ANVISA. Regulador estuda a proibição da fabricação e comercialização das chamadas Pílulas da Inteligência, produtos que prometem aumentar a inteligência e o foco, transformando o cérebro humano em uma super máquina.

Inspirados pelo filme americano “Sem Limites”, onde o personagem principal, um escritor fracassado que tomou uma pílula da inteligência (chamada NZT48) se tornou bem sucedido e rico rapidamente graças ao seu aumento de inteligência, muitos boatos sobre um suplemento natural que permite que pessoas "comuns" ficarem superinteligentes quase que do dia pra noite surgiram na internet. As histórias começaram a vir à tona quando muitos concurseiros, como o caso do Gari que passou na Receita Federal, estudantes, vestibulandos e candidatos do ENEM (com o conhecido caso do Bernardo, que chegou a ser detido pela polícia inclusive) foram vítimas de processos para anulação de seus resultados por "dopping", uma vez que eles utilizaram tais suplementos (todos os casos utilizando o mesmo produto, o Optimemory) e obterem sucessos impressionantes, alguns até como primeiros colocados em suas respectivas disputas.

Mesmo que todos os casos noticiados fossem reais e os candidatos e alunos foram inocentados e ficaram livres para continuarem com seus cargos e estudos, a ANVISA quer acabar com este tipo de escândalo e evitar processos desta natureza. O órgão admite que não teria motivos clínicos para proibir o uso de tais pílulas da inteligência, como o Optimemory, único que até hoje apresentou os resultados de real aumento de inteligência e foco, pois em pesquisa descobriu-se que se trata de um nootrópico, uma substância usada para aumentar o potencial cognitivo do cérebro humano. A fórmula já é comercializada nos EUA, e agora está sendo distribuída no Brasil pela empresa Qualydade Vida, única distribuidora e detentora da fórmula original no país.

Nos Estados Unidos a fórmula já deu muito o que falar, e megaempresários, cientistas proeminentes e diversas celebridades de Hollywood declararam utilizá-la. Alguns cientistas chegaram a afirmar que a pílula dá uma vantagem injusta àquelas pessoas que a tomam, e querem que o suplemento seja proibido. Ainda nos EUA, estudantes das melhores universidades do país, como Harvard e Stanford, afirmam que fazem uso diário do suplemento para aumentarem seu desempenho.

O lançamento da pílula também causou polêmica aqui no Brasil, quando empresários e banqueiros (que já faziam uso da fórmula) resolveram processar a empresa responsável pela venda de Optimemory. A alegação era de que o preço do composto deveria ser mantido a valores altos, pois caso a chamada "fórmula do sucesso" fosse vendida a preços muito acessíveis, poderia haver um desequilíbrio na economia. O processo ainda corre na justiça, mas Optimemory continua sendo vendido pelo seu preço original, segundo o fabricante.

A revista americana Forbes (responsável por divulgar a lista das pessoas mais ricas do mundo) fez uma matéria especial sobre Optimemory, chamando-o de “Viagra para o cérebro”.

Após realizar testes com mais de 2000 indivíduos, o Instituto de Neurociências da Universidade de Miami, nos EUA revelou que Optimemory aumentava a atividade cerebral ligada à memória em 138%, e àquela ligada ao raciocínio lógico em 85%.

Participantes realizaram testes de QI antes e depois de tomarem a pílula, e na média viram um aumento de 42 pontos no seu QI (a média brasileira é de 86). Ou seja, a maioria das pessoas consegue aumentar o seu QI em quase 50%!

O Instituto de Neurociências da Universidade de Miami realizou um teste com mais de 2000 indivíduos. 97% deles apresentaram resultados similares aos mostrados na foto, com a ativação das áreas cerebrais ligadas à memória, raciocínio e pensamento lógico.

Para medir o desempenho dos participantes, foram realizados diversos testes de lógica, memória e raciocínio. Dos participantes que tomaram Optimemory, 97% tiveram uma melhora no seu desempenho. A maioria relatou sentir-se relaxado, focado e à vontade durante a bateria de testes que duraram até 6 horas.

Ficou clinicamente comprovado que Optimemory:

Optimemory
  • Acelera o raciocínio em 85%
  • Aumenta o QI em média em 47%
  • Inibe a atividade nas áreas do cérebro relacionadas ao stress e cansaço
  • Aumenta a capacidade de memorização em 138%

Nós fizemos o teste: Optimemory é tudo isso mesmo?

Com tantos elogios da mídia e diversas opiniões de pessoas que usaram e aprovaram Optimemory, nós aqui do portal decidimos verificar se o suplemento realmente era aquilo tudo que prometia ser. Achar voluntários não foi difícil, pois quase todos da redação se ofereceram pra testar. No final, resolvemos escolher nosso editor-chefe, Carlos Ferreira, para ser a cobaia. Abaixo segue o relato dele após 2 semanas tomando Optimemory:

Para começar nosso estudo, a primeira tarefa foi encontrar um frasco de Optimemory. Devido à grande procura, nós tivemos de esperar 2 semanas para conseguir comprar, pois estava esgotado no site oficial.

No primeiro dia, eu tomei uma pílula de manhã ao chegar ao escritório, e segui minha rotina normal. Talvez uns 20 a 30 minutos depois, comecei a sentir uma sensação diferente. Eu só posso descrever se minha mente estivesse muito calma, em silêncio. Era como se eu recém tivesse acordado, um pouco zonzo, mas era muito diferente. Estava zonzo, mas ao mesmo tempo super focado. Comecei a me sentir muito bem, e dei conta de todos os meus emails que tinham acumulado durante a semana em menos de 45 minutos.

O tempo parecia passar de uma forma diferente, e eu já tinha terminado todas as minhas tarefas para aquele dia antes mesmo das duas. Comecei a trabalhar em uns projetos pessoais, e me sentia tão revigorado que resolvi ir à academia, coisa que já não fazia há meses.

Durante os outros dias que tomei Optimemory, os efeitos foram os mesmos: meu tempo na redação era muito produtivo, eu conseguia pensar com muita clareza e resolver problemas difíceis em poucos minutos. Todo mundo ficou impressionado com meu desempenho, e alguns dos meus colegas começaram a tomar também logo que viram o efeito que Optimemory teve em mim.

Após 2 semanas tomando Optimemory, eu posso dizer que ele é realmente tudo o que promete ser, e mais. Eu particularmente já havia tomado modafinil (um remédio controlado) para o mesmo fim, mas Optimemory é de longe a melhor coisa que já experimentei, e o melhor de tudo, sem efeitos colaterais.

Optimemory é seguro?

Quando as pessoas ouvem falar dos efeitos de Optimemory, muitos se perguntam quanto aos efeitos colaterais de um suplemento com tamanho poder. Afinal, estamos acostumados ao fato de que drogas que aumentem a capacidade humana (tanto física quanto mental) tenham algum tipo de prejuízo para saúde.

Felizmente, este não é o caso com Optimemory. As substâncias contidas no suplemento são de origem 100% natural, e já vêm sido usadas isoladamente há séculos, sem nenhum prejuízo. Além disso, após diversos testes clínicos, nenhum paciente apresentou sinais de efeitos colaterais.

Apesar disso, é importante dizer que trata-se de um suplemento poderoso, e o fabricante recomenda não ultrapassar a dose diária de UMA pílula ao dia.


Promoção exclusiva para nossos leitores:

Optimemory com até 60% de desconto em até 6 vezes (estoques limitados)


 
 
Atenção: Optimemory estará disponível até o dia  

 

Comentários (15)

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do nosso site.

  • Publicado por Giovana

    Vi uma matéria na revista EXAME, sobre um aluno que estava sendo acusado de dopping por causa que tomou isso... Acho ridículo, ainda mais se é 100% natural. Se isso for proibido, então também temos que proibir o cafézinho rsrsrs.

    • Publicado por Ricardo

      Também vi essa matéria Giovana... Eu já estou tomando todos os dias há 1 mês, e senti uma diferença imensa... Mas não acho que seja trapacear não, se é legalizado e não tem efeitos colaterais, não vejo porque não tomar. Desde que comecei a tomar já fui promovido (mesmo em tempos de crise) e estou ganhando quase o dobro do que antes...

  • Publicado por Dionísio

    Um cara que encontrei na academia esses dias me falou desse suplemento, no começo achei que era golpe.. Ele sempre me pareceu ser meio burro kkk mas as ultimas vezes que falei com ele, realmente o rapaz mudou. Agora vi porque, pelo jeito tem uma ciência por tras disso aí. Vou experimentar também, se até para aquele cara funcionou, deve funcionar pra mim tb kkkkk

    • Publicado por Carlos

      Tb conheci uma pessoa que mudou da noite pro dia... Deu um jeito na vida, passou em um bom concurso e está com a vida feita! Vou perguntar se ele tomou isso aí, mas só pode, pra ter mudado assim tão rápido.

  • Publicado por Gilberto

    pena que soh aceitam cartao de credito, queria muito esse suplemento. vou tentar pegar emprestado c meu vizinho

  • Publicado por Dieison Silva

    serio que funciona? jah tinha ouvido falar, mas achei que era história, realmente parece coisa de filme hehe.

  • Publicado por Marlom

    Um amigo meu tomou isso aí faz uma semana, e começou a me encher o saco pra provar tb... eu fiquei meio assim, pq nunca fui de tomar nada, nem remédio rsrs. Mas pelo que li na internet, realmente é como se fosse uma xícara de café, só que MUITO melhor. É só não usar em excesso (1 pílular por dia é o recomendado), que não tem efeitos colaterais nenhum. Acabei de pedir 2 frascos para ver como é, mal posso esperar pra chegar.

  • Publicado por Sérgio de Oliveira

    Meu irmão teve problemas de cognição desde que eu era pequeno e o médico disse esses dias que ele tinha que tomar ritalina... Eu realmente espero que esta seja uma alternativa. Muito obrigado!

  • Publicado por Robert Abraão

    Estou estudando para concurso e tomando ritalina, será que isso é melhor? Já tive que subir a dose para continuar focado, acho que está começando a me fazer mal a dal da ritalina...

  • Publicado por Miguel

    Roberto, a Ritalina é um medicamento altamente viciante e prejudicial ao coração. Sou médico cardiologista e atendo vários pacientes com problemas devido ao consumo excessivo de ritalina e anfetaminas para estudar. Recomendo que, se precise tomar algo para se concentrar, substitua por Optimemory, que é um suplemento natural e não vai ter nenhum efeito nocivo à sua saúde no longo prazo. Abraços

  • Publicado por Pablo

    Obrigado pela dica! Abs

  • Publicado por Rafael Ernesto da Silva

    VTrabalho no mercado financeiro, e posso dizer que 50% das pessoas que conheço, principalmente as mais bem sucedidas, já fazem uso desse suplemento há bastante tempo (mesmo antes de ter sido legalizado aqui). Nesse ramo já virou quase um pré-requisito, não tem como competir sem estar tomando. Eu já tomo há uns 3 meses, e posso dizer que melhorou muito meu desempenho.

  • Publicado por Davi Cruz

    Sou escritor e algumas vezes ficava um dia inteiro sem conseguir escrever uma palavra sequer, sem inspiração nenhuma. Por isso, resolvi experimentar Optimemory, mesmo sem acreditar muito. Foi a melhor coisa que eu fiz pra minha carreira, agora eu não só consigo escrever quase o dobro de páginas por dia, mas meu editor comentou que a qualidade da minha escrita melhorou muito. Estou quase lançando meu livro, e já recebi diversas críticas positivas, acredito que será um sucesso.

  • Publicado por rafa

    opa, vou comprar.. estou precisando de um empurrãozinho na faculdade rsrs

  • Publicado por Ramón

    Isso funciona para reduzir o stress também? tenho 2 filhos pequenos e durmo pouco à noite, aí me stresso fácil no trabalho...

    • Publicado por Óscar

      Marlon, eu uso exatamente para isso. Sou funcionário público e ganho um bom salário, mas andava muito stressado ultimamente. Agora não importa quantas horas eu durma (sinceramente não preciso dormir mais do que 4 por dia), acordo sempre bem, e faço o meu serviço na repartição sem stress nenhum. Todo mundo também comentou que eu pareço estar mais feliz, queriam saber qual era o segredo, recomendei Optimemory pra repartição inteira rsrs. Abs

  • Publicado por Washington Souza

    Nossa agora sim vou conseguir passar no concurso... Já estou tentando há anos, sinto que sou inteligente mas para mim é difícil de memorizar tanta coisa, e se concentrar por tanto tempo durante os estudos. Já encomendei o meu!

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.